O Que Demisexual?

O Que Demisexual

O que é ser uma pessoa demissexual?

Ser demissexual significa que alguém só desenvolve atração sexual por outra pessoa após estabelecer uma conexão emocional profunda com ela.

O que é uma mulher demissexual?

Publicado em 14 de fevereiro de 2023 A biomédica Daniela Bastos, 37 anos, percebeu desde a adolescência que precisava de afinidade afetiva para a atração sexual se desenvolver.”Quando era mais jovem, sentia que havia um respeito maior ao processo de conhecer alguém e se apaixonar até o casal decidir estar junto.

  1. Fiquei dez anos casada e, quando novamente solteira, notei uma inversão: relaciona-se sexualmente primeiro para depois estabelecer uma conexão.
  2. Foi quando percebi que realmente não me encaixava nisso e comecei a buscar informações sobre”, conta.
  3. História similar à de Saulo*, um funcionário público de 40 anos que se identifica como gay.”Eu sentia que me forçava a ter sexo casual para corresponder a padrões que a sociedade esperava de mim.

Eu sempre soube que gostava de sexo, mas precisava de intimidade e confiança para ser prazeroso. Isso me levou a crises depressivas e, pesquisando, descobri que o que eu sentia desde sempre tinha um nome: demissexualidade”, compartilha. A demissexualidade é uma orientação sexual na qual a pessoa se sente atraída por outra somente quando há o desenvolvimento de um vínculo afetivo entre elas.

Ela está dentro do espectro da assexualidade e apresenta um caráter condicional: o tesão só aparecerá caso intimidade, confiança ou admiração se fizerem presentes.”Pode ser um homem lindo, se não houver uma conexão, eu não me sentirei atraída”, diferencia Bastos. Assim como Bastos e Saulo, Lucas* – homem trans de 40 anos – só foi descobrir que aquilo que sentia se encaixava na demissexualidade ao pesquisar em fóruns da internet sobre assexualidade.

“As pessoas ainda olham com desconfiança quando me declaro demissexual, acham que você está inventando algo para se sentir especial. Eu sou adulto, não tenho tempo nem interesse nisso e sei como eu funciono. Dessa forma, quando alguém me questiona hoje, eu opto por deixar para lá”, pontua.

  • Para Saulo, a maior dificuldade relacionada à demissexualidade é a solidão.
  • Quando quero um relacionamento com alguém, tento estreitar as relações para depois me sentir preparado para o sexo.
  • Caso contrário, farei sem vontade e não haverá prazer.
  • A questão é que nem todos os homens gays entendem isso”, lamenta.

Bastos conta que deixa sua demissexualidade descrita em seu perfil de aplicativos de namoro e procura abordar isso antes do primeiro encontro. “O que eu ouço muito, na tentativa de desmerecer, é algo como ‘mas todo mundo já não é assim?’. Nesse caso, busco ensinar as diferenças.

  1. A verdade é que maioria das pessoas fazem sexo sem precisar de condições afetivas”, relata.
  2. Para eles, o fato de pessoas públicas como a apresentadora Giovanna Ewbank se declararem demissexuais ajuda a trazer mais informações sobre o assunto.
  3. Na minha experiência, vejo que a maioria dos rapazes respeitam e se mostram curiosos sobre o assunto”, aponta a biomédica.

A seguir, confira as 9 principais dúvidas que rondam a demissexualidade respondidas por quem se identifica com essa orientação sexual.

O que atrai um demisexual?

Demissexual: – Entre as pessoas assexuais e as pessoas não assexuais, existe o grupo dos demissexuais. É um grupo diferenciado, mas não menos importante. As pessoas que pertencem a esse grupo só sentem atração sexual por quem já nutre algum tipo de ligação emocional e/ou intelectual.

  1. Porém, o fato dessas pessoas só conseguirem se sentir sexualmente atraídas por alguém com quem tenham uma conexão emocional, não significa que sejam totalmente desprovidas de desejos sexuais, apenas que a vontade é inexistente.
  2. O envolvimento é, definitivamente, um pré-requisito para as questões sexuais.

O aspecto dessas pessoas é relacionar-se sexualmente apenas com quem sentem vínculo afetivo, Para essas pessoas, a atração sexual é posterior a uma conexão que depende de vinculação emocional.

Como saber se sou uma pessoa demisexual?

Conheça os sinais da demissexualidade – Não são grandes fãs de toque físico Até mesmo abraços prolongados podem ser desinteressantes para um demissexual. A intimidade física, mesmo com alguém que você conhece, pode ser desconfortável e fazer você se sentir um pouco ansioso.

O demissexual prefere conversar ou conhecer alguém pessoalmente, em vez de senti-lo. Pessoas demissexuais podem crescer se sentindo diferentes Desde a adolescência ou até antes, os demissexuais sabiam que não se encaixavam com o que todo mundo parecia interessado, sentiam-se alienados quando os amigos falavam sobre o quão sexy alguém era ou descreviam suas vidas amorosas e façanhas sexuais.

Sentiram que poderiam estar perdendo alguma coisa ou que havia algo profundamente errado com eles. Os vínculos emocionais são extremamente importantes Confiança, abertura e conexão emocional são o que realmente faz o demissexual seguir em frente. Demissexuais se sentem empolgados quando experimentam intimidade emocional com outra pessoa e compartilham histórias pessoais.

  1. Enquanto outras pessoas podem sentir uma emoção depois de dormir com alguém, demissexuais sentem um choque de satisfação depois de uma noite de ótima conversa pessoal.
  2. Pessoas demissexuais gostam de sexo, mas apenas em circunstâncias específicas Ao contrário dos assexuais, que sentem repulsa pelo sexo, os demisexuais realmente gostam disso – quando condições muito específicas são atendidas.

É preciso sentir um forte vínculo emocional com alguém antes de poder imaginar que gosta de ficar nu com eles. O demissexual se sente exposto e desconfortável, em vez de excitado. Pessoas demisexuais são muitas vezes apelidadas de “puritanas” Amigos que não entendem o conceito de demisexualidade acabam rotulando os demissexuais de “puritanos” ou algo assim.

Pessoas demissexuais anseiam por um relacionamento, mas não necessariamente por um toque físico A parte emocional é essencial para sentir o verdadeiro sentido de conexão e desejo, mas pode ser que mesmo assim ocorra uma ansiedade quando a conexão emocional se torna física. Demissexuais não estão sozinhos Uma pessoa demissexual pode ser gay, heterossexual, bissexual ou pansexual e pode não ter preferência de gênero quando se trata de atração sexual.

De acordo com uma pesquisa no Reino Unido, cerca de 0,6 a 5,5 da população é assexual. Dentro desse número, a maioria é demisexual. Pessoas demissexuais não entendem a “cultura da pegação” Demissexuais se sentem fora de sintonia com a cultura moderna de conexão.

Enquanto os outros sentem que uma noite não está completa sem antes ficar com alguém no bar ou pelo menos conseguir um contato para diversão futura, o demissexual ficaria perfeitamente feliz apenas relaxando em um canto tranquilo e conversando com amigos ou até conhecer um estranho, mas sem interesse em ter nada além de um aperto de mão.

Pessoas demissexuais não sentem a necessidade de saciar suas vontades sexuais da mesma forma que as pessoas heterossexuais Alguém que é demissexual muitas vezes se sente perplexo com o quanto o resto do mundo parece estar excitado. Pode parecer loucura a maneira como as pessoas vão explodir seus relacionamentos ou gastar grandes somas de dinheiro e grandes quantidades de tempo para tentar transar.

  • Demissexuais simplesmente não sentem esse tipo de impulso para o sexo.
  • Pessoas demissexuais geralmente não avaliam a aparência física de estranhos Quando as pessoas avaliam uma pessoa em um bar, por exemplo, em uma escala de 1 a 10, demissexuais simplesmente não entendem do que eles estão falando.
  • É como se o conceito fosse totalmente estranho.

Julgar uma pessoa apenas pelo seu perfil de namoro online, por exemplo, sem sequer ter falado com ela não é natural e não é divertido para um demissexual. Pessoas demissexuais não ficam flertando Demissexuais perdem a paciência com as conversas de paquera.

É normal não sentir atração por ninguém?

Tiffany SweeneyBBC Newsbeat

1 maio 2016 Crédito, Arquivo Pessoal Legenda da foto, ‘Simplesmente não sinto nenhum desejo de fazer isso e nunca senti’, disse Robin Não é uma questão de celibato, mas sim de orientação. A assexualidade não é muito comum, mas é uma opção de vários homens e mulheres ao redor do mundo.

No Reino Unido, estima-se que 1% da população seja assexual – como é o caso de Robin Dibben, de 24 anos. “Simplesmente não sinto nenhum desejo de fazer isso e nunca senti”, diz ele. “O mais perto que eu cheguei de fazer sexo foi quando um cara me convidou para o que ele descreveu como ‘se divertir’. Mas o meu corpo repeliu a ideia, e só de pensar nisso fiquei desanimado em vez de excitado.” A Rede de Visibilidade e Educação Assexual, página na internet para a comunidade de assexuais, descreve essa orientação como “alguém que não sente atração pela experiência sexual”.

É exatamente esse o sentimento de Robin. “Quando estava crescendo, eu nunca me preocupei realmente com o fato de ser assexual porque achei que eu desenvolveria algum interesse quando conhecesse a ‘pessoa certa'”, contou ele. “Mas aos 22 anos eu não havia beijado ninguém, nem ficava excitado ou animado com essa ideia.” “Quando meus amigos começaram a contar que eles estavam transando, eu pensei que era ainda muito jovem e isso não parecia confortável para mim”, explicou.

“Não é que eu não possa fazer isso – tudo está perfeitamente certo comigo. Mas flertar, beijar ou ver pornografia não é algo que me desperte qualquer fascinação.” O caso dos assexuais ainda desperta curiosidade e até um pouco de preconceito – além de muitas dúvidas para a própria pessoa que tem essa orientação.

Sendo assim, Robin decidiu fazer um podcast para conscientizar as pessoas sobre o que é ser assexual. “Há uma falta de conhecimento muito grande sobre a assexualidade e eu já ouvi muita gente dizendo que isso ‘é uma fase’. Elas dizem: ‘você ainda não conheceu a pessoa certa e logo irá sentir isso’.” Crédito, Arquivo Pessoal Legenda da foto, Robin, Thom e Steve fazem podcast sobre como é a vida de um assexuado “Eu descobri um grupo muito útil para falar a respeito disso, a Rede de Visibilidade e Educação Assexual (Aven).” Robin conta que conheceu até um casal de assexuais nessa rede virtual.

  • Conheci nesse fórum da internet o Thom e o Steve.
  • Eles se identificam como ‘homo-românticos’ e não têm interesse sexual nenhum pelo outro.
  • Eles simplesmente gostam da companhia um do outro, gostam de passar tempo juntos”.
  • As conversas no fórum inspiraram Robin e o casal a criarem o podcast chamado “Pieces of Ace”.
See also:  Qual O Melhor ColGeno Para Flacidez?

“Nós três decidimos criar o podcast para contar sobre como é a vida de assexual. Temos ouvintes no mundo inteiro”, afirmou. “Não sinto que estou perdendo nada e todos os nossos ouvintes dizem a mesma coisa, porque esse desejo simplesmente nunca existiu.

É normal ser casado e sentir atração por outra pessoa?

Tire todas as dúvidas durante a consulta online – Se precisar de aconselhamento de um especialista, marque uma consulta online. Você terá todas as respostas sem sair de casa. Mostrar especialistas Como funciona? Olá, totalmente normal e não tem a ver com sentimentos mas com hormônios. Agora é necessário refletir o porque isso está chamando sua atenção. Por que te fez pensar em compulsão sexual? Sugiro que você procure um psicólogo para aprofundar em suas questões internas.

O auto conhecimento vai te ajudar a desmistificar alguns conceitos e padrões que possam dificultar você viver com plenitude a vida e suas experiências afetivas, Abs Olá!! Sim, é totalmente comum sentirmos atração por outras pessoas, mesmo estando namorando. Mas é importante pensar se isso está te causando sofrimento, isso está acontecendo com você ou com a pessoa que está com você? Se isso te incomoda e te causa sofrimento, busque ajuda profissional, busque um psicólogo que possa te ajudar a entender o que pode estar acontecendo!! Abraço! Olá, tudo bem? Olhar e desejar outras pessoas não quer dizer que você não ame quem está ao seu lado.

É importante perceber se isto está te fazendo mal e tentar entender, caso queira, com a ajuda de um profissional, estes seus sentimentos e o que te atrai nos outros. Estamos à disposição. Fique bem. Olá, boa tarde! A atração é um fenômeno natural e não é uma escolha, não é algo controlável diretamente.

  1. É bastante comum das pessoas sentirem atração por outras pessoas mesmo estando em um relacionamento.
  2. Porém, o que varia, é o que elas fazem com isso.
  3. Fico a disposição se quiser conversar mais a respeito.
  4. Abs! Oie, sim é normal! Mas o que você quer dizer com pessoas aleatórias? Eu fiquei curiosa com isso? Se você estiver curiosa ainda procure auxilio na psicologia, vc pode aproveitar e tirar mais algumas dúvidas sobre relacionamentos, bjss Seria importante entender melhor o que se quer dizer olhar para outra pessoa.

De maneira geral, o desejo é algo que desliza e circula. Bom dia !! Sim. Inclusive desejo sexual. O ciclo do desejo e das emoções ocorrem à partir de um estímulo detectado, Esse estimulo nem sempre é percebido conscientemente, mas as emoções são geradas.

Logo sentir desejo não é algo que controlamos, apenas surge à partir do estímulo. O que controlamos são nossos comportamentos. Um exemplo disso seria: Estimulo: pessoa bonita emoção :desejo comportamento: ficar olhando para ele e beijá-lo, ou sair de perto. Estou a disposição. abç Sim. É algo que não controlamos, mas não significa que você não ame a pessoa que está.

Busque ajuda profissional para que você compreenda melhor esses sentimentos. Pessoas interessantes passam o tempo todo ao longo da nossa vida, a pergunta deveria ser; o que tenho a ganhar ou perder com isso? Valeria a pena me entregar a um desejo “aleatório”, respondido essa pergunta você pode seguir com suas escolhas de maneira consciente.

  1. A nossa energia sexual é construída por diversas pulsões inconscientes que alimentam as nossas fantasias.
  2. A partir, delas nós iremos construindo os nossos desejos.
  3. Por isso, será através do Outro, que percebo a minha realidade.
  4. Olá Sim, é “normal” se sentir atraído por outras pessoas, apesar de não terem um vínculo afetivo com vc.

Não existem cercas e nem muros para o olhar. Agora o que vc vai fazer com essa atração, é uma outra história. Boa sorte Olá, sim é completamente normal. Mas se isso lhe causa sofrimento é importante buscar a psicoterapia para iniciar um processo de entendimento.

Att, Gabrielle Lazari Oi, talvez o mais importante seja você procurar essa resposta em terapia, pois deve ter elementos da tua história de vida que façam com que você não suporte essas atitudes, além do mais, fica difícil sabermos na realidade ao que você se refere quando diz atrações, etc. Um abraço Olá! Mas o que é ser normal? Normal é um padrão, que nem sempre precisa se aplicar a todos.

Gosto de pensar que, não necessariamente, precisamos seguir o que todos seguem. Desejo e forma de desfruta-lo é muito pessoal. Algumas pessoas não tem necessidade de “olhar” e se relacionar com outras, além do seu parceiro/a. Já outras sentem atração por outras pessoas além do parceiro e decidem ou não “olhar”.

  1. Algo bom para refletir.
  2. Bom dia,Sim, mesmo namorando, gostando do nosso par, olhar, ou até sentir atração física por outro, é muito natural, e não controlamos essa fantasia ou desejo.
  3. Mas, é importante vc se perceber, como fica dentro de você essas questões, e o quanto consegue não fazer a passagem ao ato, podendo ter alguns prejuízos na relação, se não tratar e ressignificar Isso pra vc,

Olá! Sentir atração por outras pessoas é natural. Porém, cabe aqui que você avalie alguns aspectos: Você considera que isto seja um problema na sua vida ? Se sim, pense nisso: quanto tempo você está se relacionando com esta pessoa de forma monogâmica ? Se vocês conversam sobre as dificuldades que aparecem na relação? O que te incomoda na relação afetiva de vocês? O que deixaram de fazer que era prazeroso enquanto casal.

  1. Creio que estas são algumas perguntas que podem te auxiliar neste sentido.
  2. É normal sim.
  3. Mas se lhe causa incômodo ou dúvida em algum sentido, é conveniente procurar auxílio especializado para avaliar melhor a situação.
  4. Desejo sucesso! Sempre às ordens! Sim, é normal.
  5. E é algo que pode ser conversado entre o casal caso esteja causando qualquer tipo de desgaste.

Abraços Olá! Nada mais normal do que sentir sentir atração por pessoas, independente de estado de relacionamento. Sentir atração não é algo que se tem controle propriamente, e tudo bem ser assim. Ok, nenhuma anormalidade. Você já parou pra refletir qual o papel do seu relacionamento na sua vida? Como está o relacionamento sexual de vocês? Provavelmente existe uma projeção de desejo.

Sugiro que busque terapia. Olá, perfeitamente normal. Não se preocupe em olhar e achar outras pessoas bonitas ou atraentes, isso é apenas uma maneira de manter seu desejo ativo, desejar independe de amor ou afeto, é apenas expressão psíquica e emocional em resposta a uma condição biológica. Se isso te causa estranhamento ou gera sofrimento e somente neste sentido seria interessante procurar por um apoio especializado para entender ser incomodo.

Do All Asexuals Think the Same? | Spectrum

Espero ter ajudado. Um Abraço e boa sorte. Boa tarde, A atração física tem relação com nossos hormônios e é, portanto, incontrolável. Assim, não há problema em sentir a atração em si. Se isso estiver gerando problemas em seu relacionamento, talvez caiba conversar sobre, entendo o que causa estranhamento no outro, em você e de que forma estabelecer limites! Fico à disposição para marcamos um horário para pensar junto, se for do seu interesse.

Extremamente normal! Te convidamos para uma consulta: Primeira consulta psicanálise – R$ 150 Você pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão agendar consulta. Olá, tudo bem? Sim é algo normal você reparar em pessoas que você vê como atraentes, belos, isso namorando ou já casado ocorre, não é um problema, ou um sinal de querer ter uma relação paralela a sua atual.

Se caso quiser e se sentir à vontade, pode entrar em contato comigo para tirar alguma dúvida ou mesmo já marcar um primeiro atendimento. Te convidamos para uma consulta: Primeira consulta psicologia Você pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão agendar consulta.

  1. Sim, o fato de estar namorando não impede de sentir atração por outras pessoas ou achá-las bonitas.
  2. Se você está incomodado com algo em relação a essa questão, minha orientação é investigar melhor seus sentimentos e pensamentos, compartilhar com pessoas da sua confiança, pois, embora essa seja uma situação normal, muitas vezes desencadeam pensamentos e comportamentos que de alguma forma não queremos.

Abraço.

É normal namorar mas envolver-se sexualmente com outra pessoa e ser nessa pessoa que pensa e com quem gosta de inovar. O que significa isso? olá, eu sei que sentir atração física por outras pessoas é algo que não se pode controlar, mas quando o(a) parceiro(a) fica olhando para outros(as), ele(a) está fazendo uma escolha de para aonde olhar, isso não pode ser considerado falta de respeito com o(a) parceiro(a)? Tipo, é normal sentir essas coisas, É possível alguém que antes hétero com atração sexual normal pelas características femininas,perca essa atração se tornando “assexual”? só consigo sentir o desejo e de forma mínima comparada a antes,por estímulo e fantasia,acredito que a problemática tenha origem de experiências ruins socialmente,mas Passei 2 anos sem ter relação sexuais, tenho 49 anos e minha menstruação é irregular, conheci uma pessoa a três meses e daí tenho um tesão sem fim, penso em sexo o tempo todo e as vezes isso me incomoda, tem algo que eu possa fazer para aliviar um pouco essa excitação? meu namorado passou por um período de depressão, tomou remédio, teve alguns efeitos colaterais, como falta de libido. Nesse período ficamos sem relação por uns meses, mas sempre envolvidos, companheiros. Porem ele começou a ficar diferente, frio, dizia q sentia um vazio, ausencia de sentimentos, e apos Quando transo com minha namorada, ela gosta de fazer posições, com isso meu pênis por ser duro, dá instalo e dói, assim não dá pra fazer posições como rebolar, dançar e outros tipos de posições, só da pra sentar e deitar em cima do pênis. Conversei com meus amigos, fiz várias pesquisas, verifiquei e É verdade que a pimenta aumenta a libido de quem consome ? Olá, tudo bem? Sou homem, namoro à 4 anos com uma mulher. Tenho um fetiche (acredito ser) na adrenalina de “fazer coisas erradas” kkkk meio confuso, eu sei. Mas sempre fui criado para ser o “menino perfeito da família”, minha família me limitava em muitas coisas. Hoje, com 28 anos, estou experimentando atualmente, sinto muito desejo sexual, mas zero vontade de ter contato físico. é algo normal??? Quanto tempo duraria em media um tratamento psiquiatrico para um viciado em pornografia e masturbação?

See also:  Quem O Lider Do Bbb?

É possível amar uma pessoa e sentir desejo por outra?

Tire todas as dúvidas durante a consulta online – Se precisar de aconselhamento de um especialista, marque uma consulta online. Você terá todas as respostas sem sair de casa. Mostrar especialistas Como funciona? Olá, totalmente normal e não tem a ver com sentimentos mas com hormônios. Agora é necessário refletir o porque isso está chamando sua atenção. Por que te fez pensar em compulsão sexual? Sugiro que você procure um psicólogo para aprofundar em suas questões internas.

  1. O auto conhecimento vai te ajudar a desmistificar alguns conceitos e padrões que possam dificultar você viver com plenitude a vida e suas experiências afetivas,
  2. Abs Olá!! Sim, é totalmente comum sentirmos atração por outras pessoas, mesmo estando namorando.
  3. Mas é importante pensar se isso está te causando sofrimento, isso está acontecendo com você ou com a pessoa que está com você? Se isso te incomoda e te causa sofrimento, busque ajuda profissional, busque um psicólogo que possa te ajudar a entender o que pode estar acontecendo!! Abraço! Olá, tudo bem? Olhar e desejar outras pessoas não quer dizer que você não ame quem está ao seu lado.

É importante perceber se isto está te fazendo mal e tentar entender, caso queira, com a ajuda de um profissional, estes seus sentimentos e o que te atrai nos outros. Estamos à disposição. Fique bem. Olá, boa tarde! A atração é um fenômeno natural e não é uma escolha, não é algo controlável diretamente.

É bastante comum das pessoas sentirem atração por outras pessoas mesmo estando em um relacionamento. Porém, o que varia, é o que elas fazem com isso. Fico a disposição se quiser conversar mais a respeito. Abs! Oie, sim é normal! Mas o que você quer dizer com pessoas aleatórias? Eu fiquei curiosa com isso? Se você estiver curiosa ainda procure auxilio na psicologia, vc pode aproveitar e tirar mais algumas dúvidas sobre relacionamentos, bjss Seria importante entender melhor o que se quer dizer olhar para outra pessoa.

De maneira geral, o desejo é algo que desliza e circula. Bom dia !! Sim. Inclusive desejo sexual. O ciclo do desejo e das emoções ocorrem à partir de um estímulo detectado, Esse estimulo nem sempre é percebido conscientemente, mas as emoções são geradas.

Logo sentir desejo não é algo que controlamos, apenas surge à partir do estímulo. O que controlamos são nossos comportamentos. Um exemplo disso seria: Estimulo: pessoa bonita emoção :desejo comportamento: ficar olhando para ele e beijá-lo, ou sair de perto. Estou a disposição. abç Sim. É algo que não controlamos, mas não significa que você não ame a pessoa que está.

Busque ajuda profissional para que você compreenda melhor esses sentimentos. Pessoas interessantes passam o tempo todo ao longo da nossa vida, a pergunta deveria ser; o que tenho a ganhar ou perder com isso? Valeria a pena me entregar a um desejo “aleatório”, respondido essa pergunta você pode seguir com suas escolhas de maneira consciente.

A nossa energia sexual é construída por diversas pulsões inconscientes que alimentam as nossas fantasias. A partir, delas nós iremos construindo os nossos desejos. por isso, será através do Outro, que percebo a minha realidade. Olá Sim, é “normal” se sentir atraído por outras pessoas, apesar de não terem um vínculo afetivo com vc.

Não existem cercas e nem muros para o olhar. Agora o que vc vai fazer com essa atração, é uma outra história. Boa sorte Olá, sim é completamente normal. Mas se isso lhe causa sofrimento é importante buscar a psicoterapia para iniciar um processo de entendimento.

Att, Gabrielle Lazari Oi, talvez o mais importante seja você procurar essa resposta em terapia, pois deve ter elementos da tua história de vida que façam com que você não suporte essas atitudes, além do mais, fica difícil sabermos na realidade ao que você se refere quando diz atrações, etc. Um abraço Olá! Mas o que é ser normal? Normal é um padrão, que nem sempre precisa se aplicar a todos.

Gosto de pensar que, não necessariamente, precisamos seguir o que todos seguem. Desejo e forma de desfruta-lo é muito pessoal. Algumas pessoas não tem necessidade de “olhar” e se relacionar com outras, além do seu parceiro/a. Já outras sentem atração por outras pessoas além do parceiro e decidem ou não “olhar”.

Algo bom para refletir. Bom dia,Sim, mesmo namorando, gostando do nosso par, olhar, ou até sentir atração física por outro, é muito natural, e não controlamos essa fantasia ou desejo. Mas, é importante vc se perceber, como fica dentro de você essas questões, e o quanto consegue não fazer a passagem ao ato, podendo ter alguns prejuízos na relação, se não tratar e ressignificar Isso pra vc,

Olá! Sentir atração por outras pessoas é natural. Porém, cabe aqui que você avalie alguns aspectos: Você considera que isto seja um problema na sua vida ? Se sim, pense nisso: quanto tempo você está se relacionando com esta pessoa de forma monogâmica ? Se vocês conversam sobre as dificuldades que aparecem na relação? O que te incomoda na relação afetiva de vocês? O que deixaram de fazer que era prazeroso enquanto casal.

  1. Creio que estas são algumas perguntas que podem te auxiliar neste sentido.
  2. É normal sim.
  3. Mas se lhe causa incômodo ou dúvida em algum sentido, é conveniente procurar auxílio especializado para avaliar melhor a situação.
  4. Desejo sucesso! Sempre às ordens! Sim, é normal.
  5. E é algo que pode ser conversado entre o casal caso esteja causando qualquer tipo de desgaste.

Abraços Olá! Nada mais normal do que sentir sentir atração por pessoas, independente de estado de relacionamento. Sentir atração não é algo que se tem controle propriamente, e tudo bem ser assim. Ok, nenhuma anormalidade. Você já parou pra refletir qual o papel do seu relacionamento na sua vida? Como está o relacionamento sexual de vocês? Provavelmente existe uma projeção de desejo.

  • Sugiro que busque terapia.
  • Olá, perfeitamente normal.
  • Não se preocupe em olhar e achar outras pessoas bonitas ou atraentes, isso é apenas uma maneira de manter seu desejo ativo, desejar independe de amor ou afeto, é apenas expressão psíquica e emocional em resposta a uma condição biológica.
  • Se isso te causa estranhamento ou gera sofrimento e somente neste sentido seria interessante procurar por um apoio especializado para entender ser incomodo.

Espero ter ajudado. Um Abraço e boa sorte. Boa tarde, A atração física tem relação com nossos hormônios e é, portanto, incontrolável. Assim, não há problema em sentir a atração em si. Se isso estiver gerando problemas em seu relacionamento, talvez caiba conversar sobre, entendo o que causa estranhamento no outro, em você e de que forma estabelecer limites! Fico à disposição para marcamos um horário para pensar junto, se for do seu interesse.

  1. Extremamente normal! Te convidamos para uma consulta: Primeira consulta psicanálise – R$ 150 Você pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão agendar consulta.
  2. Olá, tudo bem? Sim é algo normal você reparar em pessoas que você vê como atraentes, belos, isso namorando ou já casado ocorre, não é um problema, ou um sinal de querer ter uma relação paralela a sua atual.

Se caso quiser e se sentir à vontade, pode entrar em contato comigo para tirar alguma dúvida ou mesmo já marcar um primeiro atendimento. Te convidamos para uma consulta: Primeira consulta psicologia Você pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão agendar consulta.

  1. Sim, o fato de estar namorando não impede de sentir atração por outras pessoas ou achá-las bonitas.
  2. Se você está incomodado com algo em relação a essa questão, minha orientação é investigar melhor seus sentimentos e pensamentos, compartilhar com pessoas da sua confiança, pois, embora essa seja uma situação normal, muitas vezes desencadeam pensamentos e comportamentos que de alguma forma não queremos.
See also:  O Que SO Adjetivos?

Abraço.

É normal namorar mas envolver-se sexualmente com outra pessoa e ser nessa pessoa que pensa e com quem gosta de inovar. O que significa isso? olá, eu sei que sentir atração física por outras pessoas é algo que não se pode controlar, mas quando o(a) parceiro(a) fica olhando para outros(as), ele(a) está fazendo uma escolha de para aonde olhar, isso não pode ser considerado falta de respeito com o(a) parceiro(a)? Tipo, é normal sentir essas coisas, É possível alguém que antes hétero com atração sexual normal pelas características femininas,perca essa atração se tornando “assexual”? só consigo sentir o desejo e de forma mínima comparada a antes,por estímulo e fantasia,acredito que a problemática tenha origem de experiências ruins socialmente,mas Passei 2 anos sem ter relação sexuais, tenho 49 anos e minha menstruação é irregular, conheci uma pessoa a três meses e daí tenho um tesão sem fim, penso em sexo o tempo todo e as vezes isso me incomoda, tem algo que eu possa fazer para aliviar um pouco essa excitação? meu namorado passou por um período de depressão, tomou remédio, teve alguns efeitos colaterais, como falta de libido. Nesse período ficamos sem relação por uns meses, mas sempre envolvidos, companheiros. Porem ele começou a ficar diferente, frio, dizia q sentia um vazio, ausencia de sentimentos, e apos Quando transo com minha namorada, ela gosta de fazer posições, com isso meu pênis por ser duro, dá instalo e dói, assim não dá pra fazer posições como rebolar, dançar e outros tipos de posições, só da pra sentar e deitar em cima do pênis. Conversei com meus amigos, fiz várias pesquisas, verifiquei e É verdade que a pimenta aumenta a libido de quem consome ? Olá, tudo bem? Sou homem, namoro à 4 anos com uma mulher. Tenho um fetiche (acredito ser) na adrenalina de “fazer coisas erradas” kkkk meio confuso, eu sei. Mas sempre fui criado para ser o “menino perfeito da família”, minha família me limitava em muitas coisas. Hoje, com 28 anos, estou experimentando atualmente, sinto muito desejo sexual, mas zero vontade de ter contato físico. é algo normal??? Quanto tempo duraria em media um tratamento psiquiatrico para um viciado em pornografia e masturbação?

É possível amar uma pessoa e não sentir atração?

Atração desperta o desejo de ter – Marina Vasconcellos, psicóloga pela PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) com especialização em psicodrama terapêutico, explica que a atração geralmente é a primeira etapa do “gostar de alguém”, mas é diferente do desejo.

  • A atração, explica, seria um interesse, seja por um sujeito ou algo que ele faça, relacionado a sua aparência, seus gestos, seu vestir, podendo ser algo focado ou ampliado, e que quando chama muito a atenção leva ao desejo.
  • Você começa a querer o objeto ao qual se sente atraído, a pensar naquela pessoa, fantasiar situações, procurar algum meio de estabelecer um contato, uma mera aproximação que seja”, continua a psicóloga.

Mas ela assegura que relações afetivas são complexas, não seguem roteiros pré-definidos, e que a atração pode, sim, dar as caras só depois de se conhecer bem alguém, como acontece com casais que antes de apaixonarem mantinham relação de amizade. Quanto ao desejo, relacionado à libido, vontade sexual, diz poder estar envolvido com paixão, ou não, quando se limita a apenas uma transa, por exemplo, mas é essencial estar presente em qualquer relacionamento romântico. Saber a diferença ajuda você a se compreender melhor e nomear o que sente Imagem: Foto de Jasmine Carter no Pexels O poeta português Luís Vaz de Camões criou um soneto no qual compara o amor a “um fogo que arde sem se ver”, mas, passados quase 500 anos, a compreensão a respeito mudou muito, informa Leide Batista, psicóloga pela Faculdade Castro Alves, em Salvador (BA).

Esse “fogo” ao qual se refere Camões se encaixa mais à ideia de paixão. “Seria um aumento, uma amplificação do desejo. Daí ficamos ansiosos, desconcentrados, bobos, direcionados somente para o outro”. O organismo entra num ritmo intenso. Secreta altas doses de dopamina, que causa bem-estar, prazer e motivação, e eleva de temperatura, fazendo a sensibilidade ao toque aumentar e os lábios se encherem de sangue, ficarem maiores, corados, sedutores.

Os batimentos aceleram em razão da adrenalina, que é liberada para nos prontificar para fortes emoções e fazer sexo e, com o, vem o hormônio oxitocina, que nos relaxa e “cega” para os defeitos alheios. Ao final dessa fase “nas nuvens”, o corpo então volta à normalidade e a paixão pode evoluir para amor, se houver envolvimento afetivo consolidado e aceitação espontânea e respeito ao que o outro realmente é, com o que há de bom e ruim.

O que fazer para voltar a ter prazer com o marido?

Perdeu o tesão pelo marido? Veja o que fazer para reacender a chama | DG Arte / DG Preciso muito de ajuda. Sou casada e temos uma filha de seis anos. Sou apaixonada pelo meu marido, mas, depois que tivemos a nossa filha, não tenho mais vontade de fazer sexo. Invento de tudo para fugir dele: durmo antes, finjo que estou dormindo, digo que estou cansada, ou com alguma dor.

Não está legal, e, daqui a pouco, posso perder o meu marido, mas eu não quero isto! O que eu posso fazer, meninas? O primeiro passo, querida leitora, já está sendo dado, que é esta vontade de mudar de atitude e pedir ajuda. Existem fatores que podem influenciar na sua falta de apetite sexual. Quando falamos em desejo, nos referimos a uma atitude psíquica formada por três componentes: biológico, psicológico e social.

É bom lembrarmos que o organismo feminino sofre uma intensa influência hormonal. Estes hormônios oscilam muito, e estas variações podem interferir nas emoções, inclusive no desejo. Verifique se tem algum desequilíbrio. Mas o fato de ser mãe não pode fazer com que se esqueça de ser mulher.

  • E a primeira coisa que deve ter em mente é o seguinte: nada de ficar esperando que o tesão bata à sua porta naturalmente.
  • Tem que provocá-lo, aprender a se estimular! E, aí, deve estar se perguntando: como? Comece com leituras sobre diferentes temas relacionados a sexo.
  • Faça histórias e crie as suas próprias fantasias sobre momentos em que você e seu marido tiveram muita excitação.

Também veja filmes românticos, depois, passe para outros mais picantes e, na sequência, assista aos eróticos, mas nunca aos pornográficos. Se tiver intimidade, conte tudo isto para o seu marido e deixe o clima rolar. Dúvidas e sugestões, escreva para [email protected] : Perdeu o tesão pelo marido? Veja o que fazer para reacender a chama | DG

O que leva uma pessoa a sentir atração por outra?

A ciência também explica – A atração é impulsionada pelos mesmos caminhos cerebrais que controlam a sensação de recompensa. Dessa forma, isso explica o motivo pelo qual os estágios iniciais de um relacionamento podem ser tão estimulantes. Afinal, a dopamina é produzida e causa uma sensação de euforia quando estamos perto das pessoas que amamos.

  • Ainda, a serotonina é outro neurotransmissor presente no organismo e importante nessa questão.
  • Ela é liberada logo após encontrarmos alguém que achamos atraente.
  • Por conta disso, temos um enorme impacto em nossos sentimentos ao longo dos estágios iniciais de um relacionamento.
  • Aliás, estudos mostram que a serotonina distrai a mente de tal forma, que podemos ter pensamentos sobre a pessoa por quem estamos atraídos por até 65% do dia.

LEIA MAIS: A combinação da dopamina e serotonina são tão influentes ao longo dos estágios preliminares de um relacionamento, que as pessoas podem atribuir seus efeitos ao amor. Isso faz sentido, principalmente, quando utilizamos o termo “amor à primeira vista”.

A atração pelo próximo, então, é um conjunto de fatores que se interligam e isto somente nos mostra como tudo no ser humano é complexo e interligado. Se formos analisar pelo ponto de vista psicológico, sabemos que vamos construindo o interesse dependendo de experiências presenciadas em nossas vidas. Sendo assim, só temos que prestar atenção para não nos sabotarmos nas nossas escolhas.

É fundamental essa análise, pois, de repente, podemos nos ver atraídos apenas por determinados tipos de pessoas que nos ferem e nos magoam. Dessa forma, caso perceba que está atraindo apenas tipos de pessoas que lhe causam mais sofrimento do que felicidade, talvez, seja hora de consultar um profissional para poder ressignificar estas memórias.

Quem se atrai pela personalidade?

Na pansexualidade, o interesse se dá por traços de personalidade e características da aparência. A pessoa pan se interessa pelo jeito de ser do outro indivíduo, a maneira como ele se veste e se comporta, opiniões e interesses, defeitos e qualidades e elementos específicos de sua aparência.

Como é se sentir atraído?

A atração física ou sexual está relacionada exclusivamente com o desejo e interesse ‘carnal’ entre duas pessoas, sentimento que é estimulado pelo aspecto estético e não sentimental. Na atração sexual, não há qualquer tipo de envolvimento de sentimentos, como a ‘paixão’ ou o ‘amor.