O Que Testosterona?

O Que Testosterona

O que é a função da testosterona?

A testosterona desempenha um papel fundamental no desenvolvimento de tecidos reprodutivos masculinos, como testículos e próstata, bem como a promoção de características sexuais secundárias, como o aumento da massa muscular, aumento e maturação dos ossos e o crescimento de pelos e cabelos corporais.

O que faz o homem ter testosterona?

A hipófise, em resposta ao estímulo do GnRH (Hormônio Liberador de Gonadotrofinas), produz LH (Hormônio Luteinizante) e FSH (Hormônio Foliculoestimulante), os quais estimulam os testículos a produzirem testosterona e espermatozoides. Em contrapartida, os níveis de testosterona inibem a produção de FSH e LH.

O que causa a falta de testosterona?

Afinal, quais as causas da testosterona baixa? – A testosterona é um hormônio androgênico produzido pelo córtex adrenal, pelos testículos e pelos ovários. Sendo assim, apesar de ser constantemente associada ao declínio hormonal masculino, a testosterona é tão vital para a fisiologia humana que está presente também no público feminino e este é igualmente afetado pelos níveis anormalmente baixos do hormônio em questão.

  • Além disso, a deficiência de testosterona pode ter causas diversas dependendo do caso a ser tratado.
  • Hoje, sabe-se que pode acontecer uma grande diminuição dos níveis de testosterona em condições como obesidade grau 3, infecção pelo vírus HIV, estresse psicológico, doenças debilitantes, abuso do álcool e tabagismo ou como efeito colateral de medicamentos como os derivados da cortisona, por exemplo.

Ademais, existe a própria deficiência de testosterona, ocasionada pelas quedas hormonais em homens e mulheres ao longo dos anos. Segundo estudo da Boston University School of Medicine, por volta dos 40 anos, o declínio da testosterona no organismo masculino gira em torno de 1% ao ano.

  1. Em complemento, cerca de 20% dos homens ​​com mais de 60 anos, apresentam níveis séricos abaixo do ideal.
  2. Quando falamos do público feminino, a queda desse hormônio pode ocorrer em muitas mulheres a partir dos 20 anos, com uma redução significativa na produção de testosterona a partir dos 35 anos.
  3. O equilíbrio da testosterona pode ter amplos benefícios para a saúde geral da mulher e pode ser um componente essencial para a prevenção de inúmeros quadros.

Restaurar a testosterona para níveis ideais pode ajudar a elevar o humor, aumentar os níveis de energia, melhorar a massa e a definição muscular, ajudar a controlar o peso e diversos outros benefícios relacionados à saúde de um indivíduo.

O que acontece quando o homem está com a testosterona baixa?

Quais são os principais sintomas de testosterona baixa nos homens? – Os sintomas de testosterona baixa nos homens são diversos e podem envolver questões: Psicológicas: Mudanças bruscas de humor, depressão, alta irritabilidade e problemas de autoestima.

Sexuais: Baixa libido, redução da fertilidade e disfunções sexuais, como a impotência. Físicas: Perda de força, aumento da gordura corporal, diminuição da massa muscular, redução da libido, cansaço constante, problemas com memória e desenvolvimento de resistência à insulina, gerando consequente risco de diabetes.

Além disso, uma das consequências comumente vista é o surgimento de outras doenças, como a osteoporose. Isso ocorre, principalmente, em pacientes idosos. Aqui, vale destacar que é obrigatório fazer o rastreamento da deficiência desse hormônio em todos os homens que têm osteoporose, a fim de iniciar o tratamento visando à melhora da massa óssea.

Como saber se a testosterona está boa?

Os níveis de testosterona são medidos através de exame de sangue e indica a quantidade de testosterona no corpo. Esse tipo de exame é bem delicado, pois os valores podem alterar de acordo com o horário da coleta, idade e hábitos do paciente.

Qual o órgão que produz a testosterona?

O que é testosterona? – Portal da Urologia – Público Geral Hormônio masculino só deve ser reposto quando há sua baixa. Caso contrário há mais riscos que benefícios Você sabe o que é a testosterona? Como ela age? Porque ela é importante para a vida do homem?

  • O Portal da Urologia esclarece suas dúvidas na entrevista abaixo. Confira:
  • O que é testosterona?
  • A testosterona é um andrógeno (hormônio masculino) produzido preferencialmente nos testículos e responsável pela diferenciação sexual (características próprias ao sexo).

“Seu declínio está relacionado às alterações físicas e psíquicas nos homens, associado ao envelhecimento” Qual a ação da testosterona? Tradicionalmente está relacionada ao desejo sexual masculino e à potência sexual, mas também tem atuação em diversos órgãos e sistemas no organismo. Seu declínio está relacionado às alterações físicas e psíquicas nos homens, associado ao envelhecimento.

  1. Qual a importância da testosterona na fertilidade masculina?
  2. A testosterona é um hormônio fundamental no processo de produção (espermatogênese) e amadurecimento dos espermatozoides.
  3. Posso tomar testosterona para ficar mais fértil?
  4. Não pode e explico o motivo:

No esquema acima está resumida a forma do controle hormonal da produção de testosterona e dos espermatozoides, pelos testículos. A hipófise, em resposta ao estímulo do GnRH (Hormônio Liberador de Gonadotrofinas), produz LH (Hormônio Luteinizante) e FSH (Hormônio Foliculoestimulante), os quais estimulam os testículos a produzirem testosterona e espermatozoides.

Em contrapartida, os níveis de testosterona inibem a produção de FSH e LH. Dessa forma, se você usar testosterona exógena (qualquer forma de utilização do hormônio – gel, injeções, comprimidos, etc.), isso causará um aumento além do normal dos níveis do hormônio no sangue, parando a produção natural de hormônio e dos espermatozoides, o que chamamos de bloqueio hipofisário.

Esse bloqueio impede a produção de espermatozoides e compromete a fertilidade. Por esse motivo é que não se deve usar testosterona como tratamento de infertilidade masculina. Em quais casos é indicada a reposição hormonal com testosterona? O uso da testosterona tem somente uma indicação, que é naquele indivíduo que tem sinais de hipogonadismo (baixa do hormônio) e confirmação laboratorial que os níveis de testosterona estão baixos.

Qual é o hormônio do prazer do homem?

A testosterona é o principal hormônio sexual masculino. Ela é produzida no corpo preferencialmente nos testículos e é responsável por diversas funções no organismo, como: Desejo sexual (libido).

O que acontece quando a testosterona do homem tá alta?

Conheça os sintomas da testosterona alta – Sintomas de testosterona alta / Imagem: Shuttesrtock A testosterona alta, ou hiperandrogenismo, ocorre quando os níveis no organismo, principalmente em mulheres, estão anormalmente elevados. Isso pode ser causado por várias razões, incluindo distúrbios hormonais, tumores, medicamentos e outras condições médicas.

Embora possa acontecer em ambos os sexos, é mais fácil de notar em mulheres, pois desenvolvem características que não são em alta quantidade como em homens. Por exemplo, pode acontecer o crescimento excessivo de pelos corporais, especialmente em áreas onde os homens normalmente têm pelos, como o rosto, o peito, o abdômen e as costas.

Isso pode ser um dos sintomas mais evidentes do hiperandrogenismo em mulheres. O aumento dos níveis também pode levar ao desenvolvimento de acne, que pode ser mais severa do que o comum. A pele e o cabelo podem se tornar mais oleosos devido ao aumento da produção de sebo.

Mulheres com testosterona alta podem experimentar ciclos menstruais irregulares, amenorréia (ausência de menstruação) ou menstruação muito leves. Embora seja mais comum que o hormônio promova o aumento da massa muscular em homens, em mulheres, o aumento dos níveis pode contribuir para um aumento indesejado da massa muscular.

Outro aspecto é que a testosterona alta pode interferir na ovulação e na fertilidade em mulheres, além do aumento da libido também.

See also:  Auxilio Caminhoneiro Quem Tem Direito?

Quando cai a testosterona no homem?

O que causa a testosterona baixa? – A partir dos 40 anos, anualmente, ocorre uma diminuição natural de 0,8% da testosterona no homem. Dessa maneira, os níveis médios desse hormônio em um idoso de 75 anos equivalem a apenas 65% da quantidade encontrada em jovens adultos.

doenças congênitas, tumores na hipófise ou na próstata, lesões na bolsa escrotal, obesidade, efeito de medicamentos, AIDS, estresse.

Qual a melhor vitamina para aumentar a testosterona?

Para aumentar os níveis de testosterona circulantes no sangue é importante ter uma alimentação rica em zinco e vitaminas A e D, praticar atividade física, de preferência utilizando pesos, e ter uma boa noite de sono. Assim, é possível manter os níveis de testosterona normais e o bom funcionamento do organismo.

O que é bom para aumentar a testosterona no homem?

Como Aumentar a Testosterona Masculina? Como aumentar a testosterona masculina é uma dúvida comum, por isso, preparamos esse conteúdo para esclarecer todas as dúvidas sobre o assunto. Para aumentar os níveis de testosterona circulantes no sangue é importante ter uma alimentação rica em zinco e vitaminas A e D, praticar atividade física, de preferência utilizando pesos, e ter uma boa noite de sono.

  • Geralmente, a testosterona deve ser aumentada quando seus valores são inferiores ao valor considerado normal para a idade da pessoa, porém o tratamento só deve ser iniciado por indicação do endocrinologista e em alguns casos, pode ser necessário usar suplementos, como Provacyl ou aplicar injeções, géis ou adesivos.
  • Veja algumas opções abaixo para aumentar a testosterona masculina:
  • A alimentação também pode interferir diretamente nos níveis de testosterona circulantes. Assim, para aumentar naturalmente a testosterona é recomendado:
  • Ingerir alimentos ricos em, como ostras, fígado, feijão, castanha ou sementes de girassol, por exemplo;
  • Ingerir alimentos ricos em vitamina D, como salmão, sardinhas ou ovo. Além disso, também é importante se expor ao sol diariamente, antes das 11h e depois das 16h, durante pelo menos 1 hora;
  • Comer alimentos ricos em vitamina A, como manga, espinafres, tomate ou óleo de peixe.
  1. Além disso, é recomendado também que seja diminuído o consumo de alimentos com açúcar e soja, já que podem levar à redução da quantidade de testosterona.
  2. É importante que a pessoa consulte um nutricionista para que sejam indicados os melhores alimentos e que seja estabelecido um plano alimentar de acordo com as necessidades nutricionais da pessoa.
  3. + Veja também:

Os exercícios de musculação realizados na academia com pesos estimulam a produção de testosterona e, por isso, é recomendado que a pessoa realize atividade física de forma regular e intensa durante pelo menos 30 minutos usando halteres, barras e elásticos. Além disso, este tipo de exercício facilita a queima de gordura e leva ao aumento da massa magra.

  • + Veja também:
  • Uma boa noite de sono, dormindo mais de 5 horas seguidas, aumenta a produção de testosterona e diminui os níveis de cortisol, que é o hormônio do estresse e que pode promover o aumento do peso quando encontra-se em excesso, o que também pode interferir negativamente na produção de testosterona.
  • Além disso, deve-se dedicar 2 horas por dia para relaxar e realizar atividades de lazer, como ler, ver televisão ou passear.
  • + Veja também: : Conheça os principais sintomas!

Para evitar níveis de testosterona baixos, deve-se manter o peso corporal adequado de acordo com a idade e altura, pois assim é possível evitar a obesidade, o que também poderia diminuir os níveis de testosterona produzidos e circulantes no corpo. Além disso, para manter o peso adequado é importante que se tenha uma alimentação adequada e que seja praticada atividade física, o que estimula a produção de testosterona.

  • l;
  • Esquecimento constante;
  • Cansaço frequente;
  • Alterações de humor, prevalecendo sintomas de depressão;
  • Dificuldade em ter um corpo musculado e acúmulo de gordura;
  • Pouca quantidade de pelos no rosto, tronco e região intima;
  • Dificuldade em adormecer e muita agitação durante a noite;
  • Ossos frágeis e desenvolvimento de osteoporose.

Geralmente, é necessário ter mais de um sintoma associado e, no caso do médico suspeitar de testosterona baixa, pode indicar um exame de sangue para confirmar. Veja também: : Como Aumentar a Testosterona Masculina?

Como aumentar nível de testosterona?

Cinco conselhos para elevar naturalmente os níveis de testosterona – TENA A virilidade está associada a uma hormona produzida sobretudo pelos testículos: a testosterona. A partir dos 30 anos, os níveis de testosterona no sangue começam a diminuir, mas não se preocupe: vamos revelar-lhe uma série de métodos naturais para aumentar a produção de testosterona e manter os níveis elevados.

A disfunção erétil, o apetite sexual, a depressão, os problemas de concentração e memória são apenas alguns dos aspetos nos quais a testosterona desempenha um papel muito importante. Além de ser essencial na sexualidade masculina, a testosterona cumpre outras funções extremamente relevantes, sendo que ajuda a preservar a densidade óssea, os níveis de glóbulos vermelhos no sangue e a sensação de bem-estar.

Deixamos-lhe alguns conselhos para que, se já ultrapassou a casa dos 30, continue a estar um autêntico bicho. O peso em excesso não ajuda. Para ser mais viril, convém perder esses quilos a mais. Segundo vários estudos da Endocrine Society’s, os homens com excesso de peso são mais propensos a ter baixos níveis de testosterona.

  • Para tal só há duas soluções: ter cuidado com a alimentação e fazer mais exercício físico.
  • · Esqueça os açúcares ! Os níveis de testosterona diminuem depois de ingerir açúcar.
  • É necessário reduzir ou eliminar o açúcar que ingere com os alimentos e as bebidas.
  • · Diminua ou elimine o consumo de álcool,
  • · Faça uma dieta saudável à base de legumes, frutas, gorduras saudáveis.

· Aposte nestes alimentos: ostras, ovos, carne de vaca, alho e brócolos, que são conhecidos por promoverem a produção de testosterona. · Calce as sapatilhas e ganhe força para ir ao ginásio. O sacrifício vai valer a pena. Vai observar uma melhoria significativa da sua saúde e condição física ao perder peso e ficar mais rijo, o que, por conseguinte, terá um impacto positivo na sua autoestima.

  • Peak Fitness
  • · Aqueça e faça alongamentos (como deve fazer sempre antes de qualquer treino).
  • · Realize exercícios o mais rápido e com o maior peso possível, em séries de 30 segundos.

· Descanse e faça exercícios de respiração durante 90 segundos. Depois, repita o mesmo processo seis ou sete vezes.

  1. Treino de força
  2. · Por exemplo, aumente o peso e reduza o número de repetições com pesos ou barras.
  3. · Concentre-se nos exercícios que trabalham um maior número de músculos, como o levantamento de peso morto ou agachamentos.
  4. Treino com pesos
See also:  Como Ver PublicaEs Que Você Curtiu No Instagram 2022?

· Realize as sessões de treino a um ritmo lento, Ao diminuir a velocidade do movimento, o treino converte-se num exercício de alta intensidade. E para quem tem problemas de perda de urina, o truque é trabalhar o tronco. Sofre de e tem vergonha de ir ao ginásio? Há uma grande percentagem de homens de meia idade que sofrem do mesmo problema e não é por isso que mudam o seu modo de vida nem muito menos deixam de ir a lugares onde podem exercitar o seu corpo.

  1. Como já sabe, primeiro que tudo deve ir ao médico.
  2. Mas, entretanto, confie em TENA Men, a solução para estar descansado e confiante se tiver alguma perda de urina devido à força extra.
  3. Solicite uma amostra aqui.
  4. Este mineral é importante para a produção de testosterona,
  5. A carne e o peixe são alimentos ricos em zinco, assim como o leite cru, o queijo cru, os feijões e o iogurte ou quefir feito com leite cru.

Quando um homem sofre de stress ou está stressado, o corpo liberta elevados níveis de cortisol, uma hormona que bloqueia os efeitos da testosterona. Inteligência emocional, meditação, ioga, saber rir-se de si próprio, dormir e descansar bem, uma perspetiva positiva da vida.

Estas são apenas algumas técnicas para reduzir o stress. Uma simples ereção eleva os níveis de testosterona. Quando se estimula sexualmente os níveis desta importante hormona disparam. Pelo contrário, se não se sentir sexualmente excitado durante longos períodos de tempo, tal diminui os níveis de testosterona no sangue e cada vez mais será difícil estimular-se.

Explore as mil e uma formas do erotismo e desfrute. : Cinco conselhos para elevar naturalmente os níveis de testosterona – TENA

Qual o nível ideal de testosterona por idade?

Valores de referência da testosterona total

Sexo Idade Níveis normais de testosterona total
Masculino 13 a 18 anos 65 a 778 ng/dL
Masculino 18 a 20 anos 188 a 882 ng/dL
Masculino 20 a 50 anos 249 a 836 ng/dL
Masculino Superior a 50 anos 193 a 740 ng/dL

Quando se deve tomar testosterona?

O hormônio, quando usado inadequadamente, prejudica a saúde e traz complicações. Veja os riscos do uso de testosterona para ganho de massa muscular. A testosterona é um dos principais hormônios sexuais masculinos e desempenha várias funções importantes, como desenvolvimento do pênis e dos testículos, aumento de libido e aparecimento de pelos.

Tanto homens como mulheres produzem testosterona, mas nelas os níveis do hormônio são bem mais baixos. No entanto, muitas vezes, ele é usado para aumentar a massa muscular, principalmente para quem deseja a hipertrofia (aumento de tamanho ou volume de um órgão ou músculo por conta de atividades celulares).

Mas será que seu uso pode ser prejudicial à saúde? De acordo com Páblius Braga, médico do exercício e do esporte do Hospital Nove de Julho, em São Paulo, a atitude não é recomendável. “A testosterona deve ser usada em casos comprovados de deficiência na sua produção, quando isso compromete a saúde clínica e física dos pacientes”, explica.

Quem tem testosterona alta?

Atenção para os sinais de dose excessiva de testosterona em homens! 205 | 02 / maio – A testosterona é um hormônio muito importante para regular as funções reprodutivas e diversas características físicas no homem. Além disso, tem uma enorme quantidade de funções metabólicas, otimizando níveis glicêmicos e de lipídeos no sangue, por exemplo.

  1. Mas, como sempre digo para meus pacientes, não trata-se de uma questão de “quanto mais, melhor.” Vamos entender mais sobre este assunto? Os níveis de testosterona variam de acordo com a idade, mas é possível seguir alguns parâmetros como referência.
  2. É importante saber que cada laboratório utiliza um intervalo de referência, baseado em um artigo, onde os valores referem-se à maioria daquela amostra estudada.

Atualmente conseguimos definir com muita precisão os níveis adequados e ideais para cada um, de forma personalizada. No geral, a testosterona alta é mais comum em homens que possuem doenças hormonais (raro) ou que fazem algum tipo de tratamento com esteroides anabolizantes.

Quais são os benefícios de tomar testosterona?

O que é a testosterona? A testosterona é um hormônio predominantemente masculino mas também é encontrado em mulheres. Ele serve para o desenvolvimento dos órgãos sexuais masculinos e todas as demais características do homem, como aumento da massa muscular, massa óssea, pêlos no corpo e libido.

  • Por que é importante? A testosterona ajuda a produzir proteínas e é essencial para o comportamento sexual normal e para as ereções.
  • Também afeta muitas atividades metabólicas, como produção de células do sangue na medula óssea, formação do osso, metabolismo de lipídios, metabolismo de carboidratos, função hepática e crescimento da próstata.

Qual o Impacto da Testosterona Baixa Quando há menos testosterona disponível, a resposta dos órgãos alvos da testosterona decrescem, trazendo muitas mudanças. Há grande variação nos níveis de testosterona entre homens saudáveis. Nem todos vão sentir as mesmas mudanças na mesma intensidade.

O que rouba a testosterona?

Cinco conselhos para elevar naturalmente os níveis de testosterona – TENA A virilidade está associada a uma hormona produzida sobretudo pelos testículos: a testosterona. A partir dos 30 anos, os níveis de testosterona no sangue começam a diminuir, mas não se preocupe: vamos revelar-lhe uma série de métodos naturais para aumentar a produção de testosterona e manter os níveis elevados.

A disfunção erétil, o apetite sexual, a depressão, os problemas de concentração e memória são apenas alguns dos aspetos nos quais a testosterona desempenha um papel muito importante. Além de ser essencial na sexualidade masculina, a testosterona cumpre outras funções extremamente relevantes, sendo que ajuda a preservar a densidade óssea, os níveis de glóbulos vermelhos no sangue e a sensação de bem-estar.

Deixamos-lhe alguns conselhos para que, se já ultrapassou a casa dos 30, continue a estar um autêntico bicho. O peso em excesso não ajuda. Para ser mais viril, convém perder esses quilos a mais. Segundo vários estudos da Endocrine Society’s, os homens com excesso de peso são mais propensos a ter baixos níveis de testosterona.

Para tal só há duas soluções: ter cuidado com a alimentação e fazer mais exercício físico. · Esqueça os açúcares ! Os níveis de testosterona diminuem depois de ingerir açúcar. É necessário reduzir ou eliminar o açúcar que ingere com os alimentos e as bebidas. · Diminua ou elimine o consumo de álcool, · Faça uma dieta saudável à base de legumes, frutas, gorduras saudáveis.

· Aposte nestes alimentos: ostras, ovos, carne de vaca, alho e brócolos, que são conhecidos por promoverem a produção de testosterona. · Calce as sapatilhas e ganhe força para ir ao ginásio. O sacrifício vai valer a pena. Vai observar uma melhoria significativa da sua saúde e condição física ao perder peso e ficar mais rijo, o que, por conseguinte, terá um impacto positivo na sua autoestima.

  • Peak Fitness
  • · Aqueça e faça alongamentos (como deve fazer sempre antes de qualquer treino).
  • · Realize exercícios o mais rápido e com o maior peso possível, em séries de 30 segundos.
See also:  Onde Tirar Cpf?

· Descanse e faça exercícios de respiração durante 90 segundos. Depois, repita o mesmo processo seis ou sete vezes.

  1. Treino de força
  2. · Por exemplo, aumente o peso e reduza o número de repetições com pesos ou barras.
  3. · Concentre-se nos exercícios que trabalham um maior número de músculos, como o levantamento de peso morto ou agachamentos.
  4. Treino com pesos

· Realize as sessões de treino a um ritmo lento, Ao diminuir a velocidade do movimento, o treino converte-se num exercício de alta intensidade. E para quem tem problemas de perda de urina, o truque é trabalhar o tronco. Sofre de e tem vergonha de ir ao ginásio? Há uma grande percentagem de homens de meia idade que sofrem do mesmo problema e não é por isso que mudam o seu modo de vida nem muito menos deixam de ir a lugares onde podem exercitar o seu corpo.

Como já sabe, primeiro que tudo deve ir ao médico. Mas, entretanto, confie em TENA Men, a solução para estar descansado e confiante se tiver alguma perda de urina devido à força extra. Solicite uma amostra aqui. Este mineral é importante para a produção de testosterona, A carne e o peixe são alimentos ricos em zinco, assim como o leite cru, o queijo cru, os feijões e o iogurte ou quefir feito com leite cru.

Quando um homem sofre de stress ou está stressado, o corpo liberta elevados níveis de cortisol, uma hormona que bloqueia os efeitos da testosterona. Inteligência emocional, meditação, ioga, saber rir-se de si próprio, dormir e descansar bem, uma perspetiva positiva da vida.

estas são apenas algumas técnicas para reduzir o stress. Uma simples ereção eleva os níveis de testosterona. Quando se estimula sexualmente os níveis desta importante hormona disparam. Pelo contrário, se não se sentir sexualmente excitado durante longos períodos de tempo, tal diminui os níveis de testosterona no sangue e cada vez mais será difícil estimular-se.

Explore as mil e uma formas do erotismo e desfrute. : Cinco conselhos para elevar naturalmente os níveis de testosterona – TENA

Como saber o nível de testosterona no corpo?

Como medir os níveis de testosterona? Os níveis de testosterona são medidos através de exame de sangue e indica a quantidade de testosterona no corpo. Esse tipo de exame é bem delicado, pois os valores podem alterar de acordo com o horário da coleta, idade e hábitos do paciente.

Qual é o nível de testosterona normal?

Valores de referência da testosterona total

Sexo Idade Níveis normais de testosterona total
Masculino 13 a 18 anos 65 a 778 ng/dL
Masculino 18 a 20 anos 188 a 882 ng/dL
Masculino 20 a 50 anos 249 a 836 ng/dL
Masculino Superior a 50 anos 193 a 740 ng/dL

Qual a função e onde é produzido a testosterona?

O que é testosterona? – Portal da Urologia – Público Geral Hormônio masculino só deve ser reposto quando há sua baixa. Caso contrário há mais riscos que benefícios Você sabe o que é a testosterona? Como ela age? Porque ela é importante para a vida do homem?

  • O Portal da Urologia esclarece suas dúvidas na entrevista abaixo. Confira:
  • O que é testosterona?
  • A testosterona é um andrógeno (hormônio masculino) produzido preferencialmente nos testículos e responsável pela diferenciação sexual (características próprias ao sexo).

“Seu declínio está relacionado às alterações físicas e psíquicas nos homens, associado ao envelhecimento” Qual a ação da testosterona? Tradicionalmente está relacionada ao desejo sexual masculino e à potência sexual, mas também tem atuação em diversos órgãos e sistemas no organismo. Seu declínio está relacionado às alterações físicas e psíquicas nos homens, associado ao envelhecimento.

  1. Qual a importância da testosterona na fertilidade masculina?
  2. A testosterona é um hormônio fundamental no processo de produção (espermatogênese) e amadurecimento dos espermatozoides.
  3. Posso tomar testosterona para ficar mais fértil?
  4. Não pode e explico o motivo:

No esquema acima está resumida a forma do controle hormonal da produção de testosterona e dos espermatozoides, pelos testículos. A hipófise, em resposta ao estímulo do GnRH (Hormônio Liberador de Gonadotrofinas), produz LH (Hormônio Luteinizante) e FSH (Hormônio Foliculoestimulante), os quais estimulam os testículos a produzirem testosterona e espermatozoides.

  1. Em contrapartida, os níveis de testosterona inibem a produção de FSH e LH.
  2. Dessa forma, se você usar testosterona exógena (qualquer forma de utilização do hormônio – gel, injeções, comprimidos, etc.), isso causará um aumento além do normal dos níveis do hormônio no sangue, parando a produção natural de hormônio e dos espermatozoides, o que chamamos de bloqueio hipofisário.

Esse bloqueio impede a produção de espermatozoides e compromete a fertilidade. Por esse motivo é que não se deve usar testosterona como tratamento de infertilidade masculina. Em quais casos é indicada a reposição hormonal com testosterona? O uso da testosterona tem somente uma indicação, que é naquele indivíduo que tem sinais de hipogonadismo (baixa do hormônio) e confirmação laboratorial que os níveis de testosterona estão baixos.

Quais os órgãos alvo da testosterona?

A testosterona é um hormônio sexual – Classificada como um hormônio do grupo dos esteroides, que têm o colesterol como precursor em comum, a testosterona é considerada um hormônio sexual, da mesma forma que a progesterona e os diversos tipos de estrogênios, outros hormônios esteroides.

  • O mecanismo bioquímico por trás da produção de testosterona inclui principalmente a atividade de uma das gonadotrofinas produzidas pela hipófise: o LH (hormônio luteinizante).
  • Assim como o FSH (hormônio folículo-estimulante), também uma gonadotrofina, o LH é transportado pela corrente sanguínea do cérebro às gônadas masculina e feminina, onde encontra receptores, mais especificamente nas células da teca do folículo ovariano, no caso das mulheres, e nas células de Leydig, localizadas nos testículos dos homens.

Além do mecanismo envolvendo as gonadotrofinas e as glândulas sexuais, homens e mulheres também produzem testosterona, embora em menor quantidade, pelas adrenais, glândulas localizadas próximas aos rins, que participam ainda da produção de outros hormônios, como o cortisol.

  1. Além da atuação nas próprias glândulas sexuais, a testosterona também têm como órgãos alvo outras estruturas do corpo, como a pele, pelos, cabelos, glândulas sebáceas, tecido adiposo e muscular.
  2. Nesse sentido, a expressão da testosterona nesses tecidos periféricos é significativamente maior nos homens, se comparada à mesma atividade nas mulheres.

Nos homens, o desenvolvimento dos caracteres sexuais secundários, como barba, pelos, engrossamento da voz e o desenvolvimento muscular, deve-se principalmente ao aumento na atividade e disponibilidade da testosterona, enquanto nas mulheres, cuja a produção é menor, esse processo de desenvolvimento é mediado principalmente pelos estrogênios.

Qual o nível de testosterona ideal para o homem?

Valores de referência da testosterona total

Sexo Idade Níveis normais de testosterona total
Masculino 13 a 18 anos 65 a 778 ng/dL
Masculino 18 a 20 anos 188 a 882 ng/dL
Masculino 20 a 50 anos 249 a 836 ng/dL
Masculino Superior a 50 anos 193 a 740 ng/dL