Qual O Melhor ColchO?

Qual O Melhor ColchO

Qual é o melhor colchão do mercado?

– Marca: Castor Colchões Estrutura de Molas: Molas Pocket Altura do colchão: 32 centímetros O Colchão Castor de Molas Pocket Kingdom é por muito considerado o melhor colchão do mercado, com é sem dúvida está entre os 10 melhores colchões do mercado, com tecido e malha com tratamento aloe vera, camada de visco e camada de espuma D45, esse colchão suporta até 150 por pessoa, ideal para quem busca um bom colchão macio mas não abre mão do conforto.

Para muitos é considerado o melhor colchão, mas em nossa lista dos melhores colchões entrou em quarto devido a baixa quantidade de avaliações que recebemos e falta de informações do fabricante. Diferenciais: O tecido em malha bordado a mão, com camada de viscoelástico, tecnologia de molas Castor, a camada de visco da um conforto a mais.

Veja todas as informações sobre: Colchão Castor de Molas Pocket Kingdom

O que é melhor colchão de espuma ou de mola?

Por que os colchões de molas são as melhores opções? – O colchão de molas é uma opção mais viável do que os colchões de espuma D33. Isso porque os colchões de molas são desenvolvidos para proporcionar mais conforto, maior durabilidade e são mais acolhedores que os colchões de espuma de densidade.

Qual colchão ideal para dormir?

Alimentos e Bebidas Bem Estar Casa e Decoração Especiais da Lu Estilo de Vida Tecnologia Colchão: saiba como escolher Com o modelo certo, suas noites vão ser muito mais relaxantes! Cama Atualizado em 1 Out 9 5 min de leitura Gente, ter um bom colchão faz toda a diferença na hora de dormir e recarregar a bateria pro dia seguinte. Mas será que você sabe escolher o modelo ideal? Se a sua resposta for não, vem comigo que eu te ajudo com isso! Vários modelos Olha, hoje em dia tem colchões extra macios, macios, médios, firmes e extra firmes.

  1. E não tem uma regra pra decidir qual é o ideal nesse sentido, então, pode escolher o modelo que preferir, tá? O colchão ideal é aquele que te dá uma boa sustentação, sem afundar muito, mas deixando você o mais confortável possível.
  2. Densidade e tamanho A densidade do colchão é a quantidade de espuma que ele tem por cada metro cúbico.

Quanto mais densidade ele tem, mais peso e pressão o seu colchão aguenta! E pra medir ela, você tem que levar em consideração o seu peso e altura, tá? Olha só: D20 : usada em berços e camas infantis. D23 : pra pessoas com até 1,80 metro de altura e no máximo 50 quilos.

D26 : pra pessoas com até 1,80 metro de altura e no máximo 60 quilos. D28 : pra pessoas entre 1,80 e 1,91 metro de altura e peso até 70 quilos. D33 : pra pessoas com mais de 1,90 metro de altura e que pesa entre 70 e 100 quilos. D45 ou acima : pra pessoas com mais de 1,90 metro de altura e mais de 100 quilos.

Além da densidade você precisa saber os tamanhos dos colchões pra cada tipo de cama, viu? Por exemplo: – 0,60 ou 0,70 centímetros de largura x 1,30 metro de comprimento – ideais pra berço e cama infantil – 0,70 centímetros de largura x 1,50 metro de comprimento – ideais pra cama infantil – 0,78 ou 0,88 centímetros de largura x 1,88 metro de comprimento – ideais pra colchão de solteiro – 0,96 centímetros ou 1,0 metro de largura x 2,0 metros de comprimento – ideais pra colchão solteiro padrão americano – 1,08 metro de largura x 1,88 metro de comprimento – ideais pra colchão solteiro conhecido como cama de viúva – 1,28 ou 1,38 metro de largura x 1,88 metro de comprimento – ideais pra colchão de casal – 1,58 metro de largura x 1,98 metro de comprimento – ideais pra casal queen – 1,78 metro de largura x 1,98 metro de comprimento – ideais pra casal king – 1,93 metro de largura x 2,03 metros de comprimento – ideais pra casal super king Molas ou espuma? Agora, molas: os colchões de molas são fabricados tanto com molas quanto espumas, viu? Assim, eles dão sustentação, estrutura e conforto na medida certa! E a qualidade de um colchão de molas é medida pelo tipo de mola que ele usa, como ela é colocada dentro dele e pela qualidade do molejo.

Olha só: – Bonnel: é uma mola que usa fios de aço e carbono, materiais que dão mais molejo pro colchão. Ele é bom pra quem gosta de um colchão que fica um pouquinho fundo quando a pessoa fica deitada muito tempo, sabe? – Verticoil: é parecida com a Bonnel, mas tem mais molas por metro quadrado, juntando um bom molejo com estrutura firme.

O resultado é um colchão fofinho, mas que não afunda quando você deita nele. – Molas Ensacadas: é um dos mais procurados, principalmente pra casal, viu? É que, quando uma pessoa se mexe de um lado dele, a outra não sente. As molas ensacadas também deixam o colchão bem firme! Quanto mais molas ensacadas e mais alto o colchão, melhor ele é! – Superlastic: é um colchão com muitas molas, o que é ideal pra pessoas muito altas ou mais pesadas, tá? Ele se adapta melhor ao corpo das pessoas que outros modelos, mas balança bastante! Então, é mais indicado pra camas de solteiro. O colchão de mola é muito confortável Espuma: são colchões com 100% de espuma dentro dele pra te sustentar, tá? Ele precisa ser bem cheinho pra aguentar seu corpo sem amassar muito. Por isso, a dica é ver se o seu colchão tem o selo ?qualidade pró-espuma?, que garante que tá tudo certinho com ele! Olha os principais tipos de espuma que existem: – Espuma Aglomerad a: é um material mais simples, feito de sobras de espumas unidas com uma cola especial.

São colchões mais em conta e muito práticos pra usar de vez em quando em casa ou pra levar em passeios. – Espuma viscoelástico: conhecida como a espuma desenvolvida pela NASA, não esquenta nem esfria demais e se molda direitinho ao seu corpo! Legal, né? – Espuma Latex: essa espuma tem vários furos pra deixar o colchão ventilar bem, ficar sempre fresquinho e circular o ar pra evitar fungos e ácaros.

Outra vantagem do colchão feito com ela é que ele tem um suporte de espumas que deixa uma pessoa se mexer sem que a outra sinta. Ou seja, é ótimo pra casais! – Espuma Memosense: é uma espuma com alta densidade que têm o mesmo molejo do látex, mas com o conforto do viscoelástico.

See also:  Perdi Meu Beb Quando Posso Engravidar De Novo?

Ah, e essa espuma também é um material atérmico, que não esquenta nem esfria demais, tem alta resistência e não deforma! Tipos de colchões Além disso, tem vários modelos de colchões, com muitos materiais e alturas diferentes, tá? Mas, além das alturas, densidades e dos muitos tipos de molas e espumas, tem outras qualidades que seu colchão pode ter.

E pra você não se perder com tantos nomes diferentes, olha só a explicação pra esses termos: One-side: são os colchões que têm uma face só. Então, é só girar a parte que tá na cabeceira pros pés e vice-versa a cada 30 dias e ele vai ficar retinho por muito tempo! Pillow Top: é o colchão que tem uma camada a mais na parte de cima pra deixar ele ainda mais macio e confortável, tá? Colchão ortopédico: ele é mais firme que a maioria pra diminuir a pressão sobre o seu corpo enquanto você dorme. O colchão ortopédico é ideal pra quem tem dores nas costas Colchão magnético: ele usa materiais com tecnologia pra diminuir dores, melhorar a circulação ou prevenir desgaste nos ossos e na coluna, viu? Antialérgico: são materiais que não pegam fungos, bactérias e nem acumulam ácaros! São ideais pra quem sofre de rinite, sinusite, bronquite ou asma.

Qual o tipo de colchão mais confortável?

Colchão de mola – O pode ser a melhor opção para quem busca maior maciez. Além de proporcionar grande conforto e adaptação ao corpo, as molas proporcionam maior resistência na sustentação de corpos pesados. É um dos modelos mais indicados para casais, pois alguns possuem conjuntos de molas ensacadas, não permitindo que os movimentos de um dos parceiros espalhem-se até o outro lado do colchão.

Qual é a marca de colchão mais vendida?

Para muitos a melhor marca de colchões do brasil é a Ortobom, pois é a maior marca do e mais vendida.

Qual melhor colchão que não afunda?

4. Colchão Ortobom Ortopédico Premium – O colchão Ortobom Ortopédico Premium também faz parte da nossa lista de melhores colchões de 2023. Como o próprio nome sugere, o colchão é ortopédico, portanto, se trata de um colchão onde a espuma cede com a pressão do corpo, mas apenas o suficiente para deixar a coluna reta, ou seja, sem afundar demais. 8. Melhores colchões: colchão Ortobom Ortopédico Premium. Fonte: SoluTudo

Qual o melhor colchão D33 ou D45?

Colchão de espuma – Cada colchão de espuma apresenta uma densidade diferente que se adequa a faixas de peso diferentes. Um D33 suporta pessoas de até 100 kg, enquanto um D45, pessoas de até 150 kg. Quanto maior a densidade, mais firme é a estrutura desse colchão.

Qual a desvantagem do colchão de mola?

Quais são as desvantagens dos colchões de molas? – A verdade é que não existem, praticamente, desvantagens nos colchões de molas ensacadas. E é, também, por isso que estes são uma excelente opção para quem tenciona investir num novo colchão, O único inconveniente poderá ser o factor preço, visto que os colchões de molas ensacadas têm um custo mais elevado em relação às restantes tipologias de colchões.

Comparação de Molas

Molas Ensacadas Molas SSW (Bonel) Molas SPA
Tipo de mola Molas individuais, envoltas em sacos de tecido. Molas contínuas, ligadas entre si. Molas contínuas, com mais espirais do que as molas SSW.
Adaptação ao corpo Excelente Boa Boa
Suporte Ótimo Bom Muito bom
Transferência de movimento Nenhuma Parcial Parcial
Durabilidade Alta Média Alta
Preço Elevado Moderado Moderado
Indicação Para todos, especialmente para casais. Para pessoas que dormem sozinhas Para pessoas que dormem sozinhas e que procuram um colchão mais firme.

Como saber se o colchão é bom?

Alimentos e Bebidas Bem Estar Casa e Decoração Especiais da Lu Estilo de Vida Tecnologia Colchão: saiba como escolher Com o modelo certo, suas noites vão ser muito mais relaxantes! Cama Atualizado em 1 Out 9 5 min de leitura Gente, ter um bom colchão faz toda a diferença na hora de dormir e recarregar a bateria pro dia seguinte. Mas será que você sabe escolher o modelo ideal? Se a sua resposta for não, vem comigo que eu te ajudo com isso! Vários modelos Olha, hoje em dia tem colchões extra macios, macios, médios, firmes e extra firmes.

  • E não tem uma regra pra decidir qual é o ideal nesse sentido, então, pode escolher o modelo que preferir, tá? O colchão ideal é aquele que te dá uma boa sustentação, sem afundar muito, mas deixando você o mais confortável possível.
  • Densidade e tamanho A densidade do colchão é a quantidade de espuma que ele tem por cada metro cúbico.

Quanto mais densidade ele tem, mais peso e pressão o seu colchão aguenta! E pra medir ela, você tem que levar em consideração o seu peso e altura, tá? Olha só: D20 : usada em berços e camas infantis. D23 : pra pessoas com até 1,80 metro de altura e no máximo 50 quilos.

D26 : pra pessoas com até 1,80 metro de altura e no máximo 60 quilos. D28 : pra pessoas entre 1,80 e 1,91 metro de altura e peso até 70 quilos. D33 : pra pessoas com mais de 1,90 metro de altura e que pesa entre 70 e 100 quilos. D45 ou acima : pra pessoas com mais de 1,90 metro de altura e mais de 100 quilos.

Além da densidade você precisa saber os tamanhos dos colchões pra cada tipo de cama, viu? Por exemplo: – 0,60 ou 0,70 centímetros de largura x 1,30 metro de comprimento – ideais pra berço e cama infantil – 0,70 centímetros de largura x 1,50 metro de comprimento – ideais pra cama infantil – 0,78 ou 0,88 centímetros de largura x 1,88 metro de comprimento – ideais pra colchão de solteiro – 0,96 centímetros ou 1,0 metro de largura x 2,0 metros de comprimento – ideais pra colchão solteiro padrão americano – 1,08 metro de largura x 1,88 metro de comprimento – ideais pra colchão solteiro conhecido como cama de viúva – 1,28 ou 1,38 metro de largura x 1,88 metro de comprimento – ideais pra colchão de casal – 1,58 metro de largura x 1,98 metro de comprimento – ideais pra casal queen – 1,78 metro de largura x 1,98 metro de comprimento – ideais pra casal king – 1,93 metro de largura x 2,03 metros de comprimento – ideais pra casal super king Molas ou espuma? Agora, molas: os colchões de molas são fabricados tanto com molas quanto espumas, viu? Assim, eles dão sustentação, estrutura e conforto na medida certa! E a qualidade de um colchão de molas é medida pelo tipo de mola que ele usa, como ela é colocada dentro dele e pela qualidade do molejo.

Olha só: – Bonnel: é uma mola que usa fios de aço e carbono, materiais que dão mais molejo pro colchão. Ele é bom pra quem gosta de um colchão que fica um pouquinho fundo quando a pessoa fica deitada muito tempo, sabe? – Verticoil: é parecida com a Bonnel, mas tem mais molas por metro quadrado, juntando um bom molejo com estrutura firme.

O resultado é um colchão fofinho, mas que não afunda quando você deita nele. – Molas Ensacadas: é um dos mais procurados, principalmente pra casal, viu? É que, quando uma pessoa se mexe de um lado dele, a outra não sente. As molas ensacadas também deixam o colchão bem firme! Quanto mais molas ensacadas e mais alto o colchão, melhor ele é! – Superlastic: é um colchão com muitas molas, o que é ideal pra pessoas muito altas ou mais pesadas, tá? Ele se adapta melhor ao corpo das pessoas que outros modelos, mas balança bastante! Então, é mais indicado pra camas de solteiro. O colchão de mola é muito confortável Espuma: são colchões com 100% de espuma dentro dele pra te sustentar, tá? Ele precisa ser bem cheinho pra aguentar seu corpo sem amassar muito. Por isso, a dica é ver se o seu colchão tem o selo ?qualidade pró-espuma?, que garante que tá tudo certinho com ele! Olha os principais tipos de espuma que existem: – Espuma Aglomerad a: é um material mais simples, feito de sobras de espumas unidas com uma cola especial.

  • São colchões mais em conta e muito práticos pra usar de vez em quando em casa ou pra levar em passeios.
  • Espuma viscoelástico: conhecida como a espuma desenvolvida pela NASA, não esquenta nem esfria demais e se molda direitinho ao seu corpo! Legal, né? – Espuma Latex: essa espuma tem vários furos pra deixar o colchão ventilar bem, ficar sempre fresquinho e circular o ar pra evitar fungos e ácaros.

Outra vantagem do colchão feito com ela é que ele tem um suporte de espumas que deixa uma pessoa se mexer sem que a outra sinta. Ou seja, é ótimo pra casais! – Espuma Memosense: é uma espuma com alta densidade que têm o mesmo molejo do látex, mas com o conforto do viscoelástico.

Ah, e essa espuma também é um material atérmico, que não esquenta nem esfria demais, tem alta resistência e não deforma! Tipos de colchões Além disso, tem vários modelos de colchões, com muitos materiais e alturas diferentes, tá? Mas, além das alturas, densidades e dos muitos tipos de molas e espumas, tem outras qualidades que seu colchão pode ter.

E pra você não se perder com tantos nomes diferentes, olha só a explicação pra esses termos: One-side: são os colchões que têm uma face só. Então, é só girar a parte que tá na cabeceira pros pés e vice-versa a cada 30 dias e ele vai ficar retinho por muito tempo! Pillow Top: é o colchão que tem uma camada a mais na parte de cima pra deixar ele ainda mais macio e confortável, tá? Colchão ortopédico: ele é mais firme que a maioria pra diminuir a pressão sobre o seu corpo enquanto você dorme. O colchão ortopédico é ideal pra quem tem dores nas costas Colchão magnético: ele usa materiais com tecnologia pra diminuir dores, melhorar a circulação ou prevenir desgaste nos ossos e na coluna, viu? Antialérgico: são materiais que não pegam fungos, bactérias e nem acumulam ácaros! São ideais pra quem sofre de rinite, sinusite, bronquite ou asma.

Qual é o melhor colchão do Brasil?

Qual a Melhor marca de colchão? – Entre as melhores marcas de colchões do Brasil trabalhamos coma as marcas: Anjos, Castor, Ortobom, Sealy, Herval, Probel e outras grandes marcas.

Qual o melhor colchão para coluna duro ou mole?

Escolhas erradas podem acarretar até mesmo lesões na coluna – Publicado em 3 de agosto de 2019 às 22:54 0 min de leitura Colchão deve deixar coluna alinhada e músculos relaxados, (shutterstock) O sono deveria ser encarado como algo sagrado, livre de qualquer incômodo e problema. Um colchão não pode levar a culpa por uma noite maldormida, certo? Acontece que, muitas vezes, é ele que está comprometendo o descanso.

Ouvimos especialistas para saber o que é certo e o que é errado em relação a esse objeto tão importante, sobre o qual ficamos (ou deveríamos ficar) boa parte da nossa vida repousando. Afinal, é mesmo como muita gente diz: colchão bom é colchão duro? Esse é um dos grandes mitos sobre o assunto, segundo o ortopedista Lourimar Tolêdo.

“O colchão deve ser confortável, deixando a coluna alinhada e os músculos relaxados. Se for muito duro, pode provocar dores nos ombros, quadris e juntas, além de cansar a musculatura”, afirma. Então, tem que ser mais mole? “Colchão muito mole entorta a coluna e causa dor nas costas, o que pode evoluir para problemas ortopédicos”, explica o médico.

  • O colega de profissão, Bernardo Garcia Barroso, assina embaixo: “Os colchões devem ser escolhidos de acordo com as características e as preferências da pessoa.
  • Em grande parte dos casos, aqueles de firmeza intermediária são apontados como melhores para um sono confortável e para o alinhamento da coluna vertebral”.

Não é o preço que deve comandar a escolha. “O preço do colchão não é o fator determinante de sua adequação ao indivíduo ou de sua qualidade. O colchão deve ser escolhido levando-se em conta as características, principalmente peso e altura, e as preferências de quem irá utili zá-lo”, destaca o ortopedista.

Colchões magnéticos, cheios de truques, funcionam? Melhor não gastar seu dinheiro com isso, de acordo com os médicos. “Não recomendo comprar os colchões magnéticos ou com infravermelho, pois não existe nenhuma comprovação científica na literatura médica que justifique isso. Sempre que for procurar um produto que tem a indicação terapêutica pela empresa ou pelo vendedor, veja se existe um registro do mesmo na Anvisa”, orienta Tolêdo.

Na hora de comprar, não tenha vergonha de testar bastante o produto na loja. “É preciso deitar no colchão antes para sentir a acomodação do corpo, vendo se ele não cede muito como o peso e se a coluna fica alinhada quando a pessoa se deita”, recomenda o ortopedista.

  1. O QUE É MENTIRA O QUE É VERDADE 1) Colchões de mola são melhores do que os de espuma Mito.
  2. A escolha deve ser baseada em preferência pessoal, havendo inclusive modelos de colchões que reúnem benefícios das duas soluções, como os colchões de molas ensacadas.
  3. No entanto, ao escolher o modelo de espuma, é importante que se pesquise a tabela de biotipo, que define a densidade ideal do produto a ser comprado de acordo com altura e peso do consumidor.2) É necessário virar o lado dos colchões a cada 3 meses Verdade, quando o tipo de colchão permitir.

No caso dos colchões de mola ensacada, por exemplo, apenas um lado pode ser usado para se deitar. Esse tipo de atitude aumenta a longevidade do colchão, prolongando as deformações comuns ao uso contínuo do produto 3) Devo colocar o colchão no sol Mito.

  1. Ao colocar um colchão em contato direto com o sol, pode-se estragar as camadas interiores do produto.
  2. É aconselhável apenas deixar o produto “respirar”, sem as roupas de cama e a capa protetora, preferencialmente em um ambiente bem ventilado.
  3. Esse tipo de atitude ajuda a evitar a umidade nos colchões 4) Quanto mais duro, melhor para a postura Mito.

Um colchão duro demais pode, inclusive, provocar desconforto e até lesões na coluna. E o colchão mole também entorta a coluna, causando dor. Culturalmente, o brasileiro tem preferência por colchões mais firmes, enquanto países na Europa e nos Estados Unidos, a preferência é por modelos mais macios.

Para garantir que está adquirindo um produto de qualidade, o consumidor deve procurar o certificado Pró-Espuma na hora de comprar seu colchão. Essa é a melhor forma de garantir mais conforto e qualidade para o seu sono.5) É possível lavar colchões Verdade, mas deve-se adotar a lavagem a seco ou buscar um especialista para fazer isso.

Em casa, a recomendação é passar o aspirador por toda a superfície do colchão, inclusive nos cantos e costuras. Após fazer isso dos dois lados do produto, pode-se aplicar um produto específico para estofados, de modo a garantir a limpeza e remoção dos ácaros.

  1. Caso o consumidor prefira uma solução caseira, é recomendável misturar água e vinagre em proporções iguais dentro de um balde e molhar uma toalha limpa, torcendo bem.
  2. Depois, é só passar sobre toda a superfície do colchão 6)Colchões têm prazo de validade Verdade.
  3. É fundamental lembrar que passamos, no mínimo, mais de 5 horas deitados nele por noite.

O resultado disso é que, com o tempo, o produto se deforma. A recomendação é de se trocar colchões, no máximo, a cada cinco anos Fonte: Instituto Nacional de Estudos do Repouso (Iner)

Qual colchão dura mais de mola ou espuma?

Por que os colchões de molas são as melhores opções? – O colchão de molas é uma opção mais viável do que os colchões de espuma D33. Isso porque os colchões de molas são desenvolvidos para proporcionar mais conforto, maior durabilidade e são mais acolhedores que os colchões de espuma de densidade.

O que é melhor molas ensacadas ou molas Bonnel?

Durabilidade – Colchões de molas bonnel são considerados resistentes, embora eles não cheguem a durar 10 anos, como algumas pessoas dizem. Esse é outro critério no qual as molas ensacadas estão em vantagem, já que podem durar entre 8 e 10 anos, dependendo dos outros materiais em sua composição e modo de uso.

Qual a marca de colchão mais vendida no Brasil?

Para muitos a melhor marca de colchões do brasil é a Ortobom, pois é a maior marca do e mais vendida.

Qual o colchão mais durável?

O sistema de molas Bonnel é conhecido por sua firmeza e durabilidade, além de ser uma opção mais acessível em comparação com outros tipos de sistemas de molas, como o pocket ou o ensacado.

Qual colchão e mais durável?

Offset (LFK): suporta até 150kg por pessoa, com isso, é um produto mais resistente e que possui mais molas em comparação aos modelos convencionais. Além disso, o sistema é capaz de distribuir o peso de forma uniforme, sem que haja pontos de pressão, sendo uma ótima opção para casais.

Qual a melhor marca de colchão Ortobom ou castor?

Como saber qual a melhor marca para você – A melhor marca de colchão para você vai ser aquela que satisfaça as suas necessidades, preferências e o seu bolso. Se você procura alto padrão de qualidade e tecnologias avançadas em um colchão, a mais indicada é a Castor.

Qual o melhor marca de colchão Segundo ortopedistas?

Qual o melhor colchão ortopédico queen e king – Dentro do que é indicado pelos ortopedistas, recomendamos o colchão Emma Original, este produto está sendo altamente recomendado no mercado pelos benefícios e segurança que a marca proporciona, tendo uma garantia de 10 anos e podendo testar por 100 noites (com garantia de reembolso caso não se adapte), esse produto vem se mostrando de grande valia para pessos que necessitam de um produto ortopédico.

  • Ao escolher colchões de tamanhos queen e king, ortopedistas enfatizam a importância de considerar o suporte e conforto adequados para ambos os parceiros.
  • Esses tamanhos maiores oferecem mais espaço, sendo ideais para casais que desejam maior conforto e liberdade de movimento durante a noite.
  • Molas ensacadas, espumas de alta densidade e colchões híbridos são opções populares para esses tamanhos.

A escolha ideal dependerá das necessidades específicas do casal, como peso, posição de dormir e eventuais problemas de saúde. É fundamental que ambos os parceiros testem e avaliem os diferentes modelos juntos, buscando uma opção que ofereça o equilíbrio ideal entre suporte e conforto, e que se adapte às necessidades individuais de cada um.

Qual o melhor colchão D33 ou D45?

Colchão de espuma – Cada colchão de espuma apresenta uma densidade diferente que se adequa a faixas de peso diferentes. Um D33 suporta pessoas de até 100 kg, enquanto um D45, pessoas de até 150 kg. Quanto maior a densidade, mais firme é a estrutura desse colchão.

Qual a melhor marca de colchão Ortobom ou castor?

Como saber qual a melhor marca para você – A melhor marca de colchão para você vai ser aquela que satisfaça as suas necessidades, preferências e o seu bolso. Se você procura alto padrão de qualidade e tecnologias avançadas em um colchão, a mais indicada é a Castor.